Manutenção

Poço em terreno arenoso

1 - Camada de pré-filtro que permite a passagem de água e retém os sólidos arenosos na parede do poço. 2 - Ranhuras do Filtro, (aberturas que permitem a entrada da água para dentro do poço). 3 - Parede do poço, constituida de material arenoso. O material sólido arenoso ( 3 ) obstrui os intertícios ou porosidades do pré-filtro ( 1 ) diminuindo o volume de água que entra no poço através das ranhuras do filtro ( 2 ). O acúmulo de sólidos e consequente obstrução ocorre nesta porção devido à convergência do fluxo em direção ao filtro.

Poço em terreno rochoso

1 - Espaço entre fragmentos de rocha saturado com água. 2 - Fraqmentos de rocha residual presentes em fraturas nas rochas cristalinas. 3 - Fratura. 4 - Parede do poço em rocha maciça sem fratura. 5 - Solo inconsolidado. 6 - Tubo de Revestimento. Sólidos constituídos por argilas quando se acumulam entre os espaços ( 1 ) formados pelos fragmentos de rocha ( 2 ), obstruem as fraturas ( 3 ), provocando a queda de vazão e nível de água.

É assim que se faz!

Alguns processos se desencadeiam nos Poços Tubulares que provocam a necessidade de efetuarmos manutenções preventivas periódicas, visando manter em condições normais suas características construtivas. A água é composta por elementos químicos, que ao serem submetidos a variações de temperaturas (provocados pelo funcionamento dos motores elétricos dos conjuntos moto-bombas), geram um desequilíbrio que resultam agregados sólidos incrustantes (sais de cálcio, bicarbonatos e óxido de ferro e manganês), que aderidos às paredes das tubulações de bombeamento, ou nas entradas de água do poço, vão lentamente obstruindo o fluxo e diminuindo a vazão de exploração. O fluxo da água para o interior dos poços carregam partículas sólidas de argilo-minerais, produzidas nas zonas de fratura em áreas de rochas cristalinas e partículas sólidas arenosas oriundas de rochas em áreas sedimentares, que se acomodam nas entradas de água, diminuindo a velocidade de fluxo para dentro do poço com consequentes quedas de vazão e nível da água. É recomendável um trabalho de limpeza no poço em períodos não superiores a 18 meses, independente do aspecto turvo da água, da diminuição da vazão, do depósito de sólidos em reservatório e ruido da bomba, afim de prolongar a vida útil do poço. Na metodologia aplicada em manutenção de Poços , destacamos a utilização de ar comprimido (turbilhonamento, super bombeamento e jateamento) e intervenções mecânicas (pistoneamento e escovamento). Em ambos os casos associam-se utilização de produtos químicos desagregantes de argilas e ácidos para desincrustações de óxidos. É importante destacar que na intervenção para manutenção do poço, é inevitável a remoção do equipamento de bombeamento e devemos aproveitar para verificar o estado de conservação da tubulação edutora, roscas, luvas, sensores de nível, cabo elétrico e de próprio conjunto moto- bomba. Equipe de manutenção Sondagua. Profissionais treinados e equipamentos de ultima geração para um rápido atendimento. Conte com a gente!


Todos os direitos reservados - Criação: RP3 Propaganda | Desenvolvimento: Tríade Sistemas